sábado, 27 de junho de 2015

sorriamos [educadamente], então...



no cm...


comentário:

dantes tínhamos que gramar um eterno pai... agora levamos com um pai eterno?

até não vou deixar de 'concordar' com a teoria exposta e tenho uma ainda mais radical:

a) a divisão do ano escolar em cinco períodos lectivos, de dois meses cada;

b) avaliação sumativa nos primeiro, terceiro e quinto períodos;

c) avaliação qualitativa nos segundo e quarto períodos;

d) exames nacionais no mês de julho;

e) férias no mês de agosto;

f) as actividades lectivas iniciam-se a 1 de setembro;

g) as actividades lectivas terminam a 30 de junho;


e toda a minha gente tinha o problema resolvido.